NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Thursday, June 15, 2017

O PROPÓSITO E A PROVIDÊNCIA DE DEUS - P/183 -- CONTINUAÇÃO -- "Temos observado que determinadas pessoas querem ser diferentes dos demais irmãos na igreja, querem elevar suas vozes de maneira a chamar a atenção na hora da oração, como se o nosso Deus fosse surdo, quando chegam, ajoelham-se e até parecem compenetrados. Isto é muito bonito, mas exige certo comprometimento sincero de vida consagrada, que muitas vezes não existe, pois em muitos casos o seu testemunho deixa a desejar na sociedade"


             O PROPÓSITO E A PROVIDÊNCIA DE DEUS

                                         PARTE - 183

Infelizmente, nem tudo o que você faz pensando estar ajudando seu irmão, é reconhecido.
O esforço de Neemias para solucionar a situação caótica de seus irmãos, judeus, por muito que se esforçava ainda era pouco.
Mediante a tanto sofrimento e miséria que vinham sofrendo, e entre si viviam discutindo e reclamando, preocupados com o que haveriam de comer.
Cada um tinha uma justificativa por sua reclamação.
Uns reclamavam, a falta de alimento outros reclamavam, por que haviam empenhado suas propriedades, e não estavam achando jeito para sanar suas dividas e se livrar do empenho.
Outros haviam feito empréstimo com os tribunos do rei, e não sabiam como efetuar o resgate de suas dividas.
Reconhecendo eles que eram todos irmãos, e que estavam sendo forçados a entregarem seus filhos para serem servos de seus inquiridores.
E muitas de suas filhas, eles já não poderiam ter mais nenhuma esperança que pudesse voltar para o seio de suas famílias, e nem mesmo tinham certeza se ainda estavam vivas.
Outros casos mais graves, que além de perderem seus filhos precisavam entregar suas moradias e suas terras, com a safra de vinho e tudo mais, para se ver livre de seus pesados jugos.
Neemias resolve a situação das lamúrias:
Neemias depois de ouvir todas estas lamúrias e reclamações, teve seu dia, como um dos piores de sua vida e se comove.
E, procura os magistrados, e os maiorais, que também eram seus irmãos que usurpava o povo, e chama à atenção deles veementemente.
E convoca o povo para um ajuntamento, dizendo lhes:
Nós resgatamos os judeus, nossos irmãos que foram vendidos para a escravidão, e vós outra vez venderíeis a vossos irmãos, ou vender-se iam a nós?
Então se calaram, e não acharam o que responder.
Neemias continua, não é bom o que fazeis; porventura não devíeis andar no temor de nosso Deus, por causa do opróbrio dos gentios, nossos inimigos?
Também eu, meus irmãos e meus moços, juro lhes, temos dado dinheiro e trigo.
Deixemos este ganho, restituí lhes hoje, vos peço as suas terras e suas vinhas, os seus olivais, e suas casas.
Como também parte do dinheiro, do trigo, do mosto, e do azeite, que vós exigistes deles.
As palavras de Neemias, falou profundamente em suas consciências e se propõe em devolver tudo quanto haviam tomado deles indevidamente.

Então Neemias, chamou os sacerdotes e todos os maiorais que haviam usurpado dos pobres, e os fez jurar perante Deus, que fariam tal como haviam prometido.
E disse mais, todo aquele que não cumprir este juramento, será sacudido ou banido, e sacudido também será diante de Deus, todo homem da sua casa que não cumprir estas palavras, e assim seja sacudido e vazio.
E unanemente toda congregação concorda e dizem amém!...

E louvaram ao Senhor, e todos fizeram conforme as palavras de Neemias, que foi nomeado governador, na terra de Judá. 

                                          ---- EJO ---- Continua


No comments: